PLANO DE SEGURANÇA OU PROJETO DE SEGURANÇA

Na Segurança Privada é comum ouvir alguns gestores dizendo que estão fazendo um projeto de segurança para a empresa, quando na realidade estão elaborando um plano de segurança, ou planejamento da segurança de determinado local.

Procuro neste artigo estabelecer as diferenças básicas entre um e outro.

Veremos que um “Projeto de Segurança” é algo maior, mais abrangente e tem características que são estabelecidas por metodologias empregadas no mundo inteiro.

É importante termos ciência de tais diferenças e das ferramentas disponíveis, assim poderemos demonstrar que podemos, sim, elaborar um projeto de segurança.

O Plano de Segurança

Planejamento é a determinação de um conjunto de procedimentos, de ações (por uma empresa, um órgão do governo etc.), visando à realização de determinado projeto. Então o planejamento/plano de segurança faz parte do projeto.

Não devemos confundir planejamento com previsão, projeção, ou predição pois:

  • Previsão é buscar identificar quais serão os eventos futuros, com base em uma série de dados e informações que levam a uma maior ou menor probabilidade do fato ocorrer.
  • Projeção é uma alegação de que o futuro é igual ao passado, ou seja, conhecendo o passado, estatísticas, arquivos, ocorrências anteriores projetamos o futuro baseados nesta estrutura básica.
  • Predizer, por sua vez, é o fato de dizer ou anunciar com antecedência o que vai acontecer, mas sem ter controle sobre a situação.

Planejamento pode então ser definido com um conjunto de medidas adotadas para que o futuro seja diferente do passado, agindo sobre os fatores internos, sobre os quais tem controle, e monitorando os externos alheios a este controle.

Vamos observar algumas características do planejamento/plano de segurança.

O plano de segurança se desenvolve normalmente da seguinte forma:

O Gestor de segurança orgânico, terceirizado ou o Consultor em segurança é chamado pela direção da empresa, onde, em contato com o cliente toma contato com o problema inicial que já foi detectado pelo cliente. A partir daí ele inicia suas atividades, que podem ser:

  1. Diagnóstico da situação atual;
  2. Análise SWOT;
  3. Objetivos;
  4. Propostas;
  5. Elaboração dos manuais de procedimentos;
  6. Avaliação e Controle.

O planejamento como vimos tem o objetivo de modificar ações ou formas de atuação diante dos fatos. Estas mudanças afetam diretamente três componentes da organização:

Mudanças Provocadas em:

  • Pessoas
  • Tecnologia
  • Sistemas

O Projeto de Segurança

Como veremos um projeto tem uma visão muito mais abrangente e ampla, envolve não somente uma área da empresa/instituição, mas toda a organização, que em um esforço integrado busca um resultado, de acordo com o Guia PMBOK-2008.

Projetos dizem respeito a um esforço temporário, não rotineiro, para criar um produto, serviço ou resultado exclusivo. Sua natureza temporária indica que tem início e término definidos.

A diferença básica está neste ponto, ou seja, não rotineiro. Quanto se vai até determinado cliente e executa uma rotina para a verificação das necessidades de segurança deste cliente realizamos um plano/planejamento de segurança não um projeto de segurança. Não estamos criando um produto ou serviço novo, mas sim, atendendo a necessidade do cliente com produtos ou serviços já oferecidos pela empresa de segurança.

Outra diferença é que o projeto termina, o plano/planejamento não, ele se perpetua durante o atendimento do contrato de prestação de serviço.

  • O término do projeto é alcançado das seguintes maneiras:
  • Os objetivos foram atingidos.
  • Concluiu-se que os objetivos não podem ser atingidos.
  • Quando não for mais necessário.

Temporário não significa obrigatoriamente de curta duração, não devemos confundir a duração do projeto com a duração do produto ou serviço objeto do projeto, já que o resultado do projeto deverá ser duradouro. Um exemplo disto é um projeto para a construção de um monumento; o projeto é temporário, mas o resultado é duradouro.

Um projeto pode criar:

  • Um produto;
  • A capacidade de realizar um serviço ou;
  • Um resultado.

Exemplos de projetos incluem:

  • Desenvolvimento de um novo produto ou serviço;
  • Mudança de estrutura, de pessoal ou de estilo da organização;
  • Desenvolvimento ou aquisição de sistemas de segurança novo ou modificados;
  • Implementação de um novo procedimento ou processo.

Podemos definir projeto como um empreendimento único que deve apresentar início e fim claramente definidos e que, conduzido por pessoas possa atingir seus objetivos respeitando os parâmetros de prazo, custo e qualidade.

O projeto diz respeito a uma estruturação, uma metodologia para a criação do novo serviço/produto, fazendo parte desta metodologia os seguintes processos, que são desenvolvidos no decorrer do prazo estipulado:

  • Grupo de processos de iniciação – Define e autoriza o projeto ou uma fase do projeto.
  • Grupo de processos de planejamento – Define e refina os objetivos e planeja a ação necessária para alcançar os objetivos e o escopo para os quais o projeto foi realizado.
  • Grupo de processos de execução – Integra pessoas e outros recursos para realizar o plano de gerenciamento do projeto para o projeto.
  • Grupo de processos de monitoramento e controle – Mede e monitora regularmente o progresso para identificar variações em relação ao plano de gerenciamento do projeto, de forma que possam ser tomadas ações corretivas, quando necessário, para atender aos objetivos do projeto.
  • Grupo de processos de encerramento – Formaliza a aceitação do produto, serviço ou resultado e conduz o projeto ou uma fase do projeto a um final ordenado.

Um projeto envolve o gerenciamento de áreas de conhecimento muito específicas.

  • Gerenciamento da Integração
  • Gerenciamento do Escopo
  • Gerenciamento do Tempo
  • Gerenciamento de Custos
  • Gerenciamento da Qualidade
  • Gerenciamento de Recursos Humanos
  • Gerenciamento da Comunicação
  • Gerenciamento de Riscos
  • Gerenciamento de Aquisições

Seguindo todas as fases estabelecidas pelo PMBOK o projeto tem início e fim, envolve todas áreas de uma empresa. Como tem fim ele é encerrado, mas, o encerramento do projeto dá início à fabricação/prestação do serviço desenvolvido. A partir deste momento deixa de ser um esforço temporário e passa a ser uma atividade rotineira que é a fabricação do produto ou a prestação do serviço.

Aquela equipe formada para o projeto é desfeita no caso de ter sido montada especificamente para este fim ou se dedica a um novo projeto em empresas que possuem a área de Gestão de Projetos estruturada.

5 Replies to “PLANO DE SEGURANÇA OU PROJETO DE SEGURANÇA”

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *