Plano de Segurança Pessoal

O Que é Segurança Pessoal?

Segurança Pessoal é um conjunto de princípios e ações preventivas visando assegurar a integridade física, mental ou moral de si ou de outro. Como ciência, dedica-se a salvaguardar a vida do homem de todo dano, agressão ou risco que possam pôr a sua vida em perigo, em torno do ambiente em que se encontra, permitindo manter um estado de bem-estar e confiança no equilíbrio de suas condições de vida.

Planejamento de Segurança Pessoal

Planejamento é indispensável para o sucesso de qualquer operação de segurança. Nesse sentido, montar uma operação de segurança pessoal exige estudo, conhecimento e preparo para garantir que a quantidade de agentes e o perfil deles são adequados para a situação onde irão atuar.

No momento do planejamento, é preciso coletar informações relevantes sobre a pessoa ou o grupo a ser protegido. Essas informações ajudam a entender a demanda por segurança e de que forma ela pode ser suprida. Além disso, essa pesquisa também ajuda a compreender como a operação pode acontecer discretamente, dentro da rotina do VIP. Com isso, são definidos o perfil do agente e o tipo de equipamento que ele irá portar, por exemplo. Planejar é essencial para garantir o sucesso da operação, seja ela fixa ou pontual.

Quando se fala de Proteção Executiva, é preciso incluir no planejamento toda a rotina do protegido. Os familiares e prestadores de serviço mais próximos devem ser orientados e preparados para a situação, criando um cenário em que o VIP se sinta seguro em todos os momentos. A confiança entre o agente e o protegido também é essencial. Em uma situação de perigo, o agente VSPP deve ser respeitado e suas orientações devem ser seguidas para garantir a segurança de todos.

O sucesso de uma operação desse tipo depende de diversos fatores, como treinamentos de conscientização e técnicos, processos voltados a segurança de ambientes e dinâmicas do dia-a-dia. Tudo isso serve para garantir a segurança em uma conduta não-expositiva, com acompanhamento e supervisão constante dos padrões.

Principais Informações para o Planejamento de Segurança Pessoal

Estudar As Rotas Paralelas

No caso de escoltas armadas, é preciso conhecer a região por onde os carros passarão. O conhecimento prévio sobre as vias e espaços ajuda a definir melhor o tempo de trajeto e a se preparar para realizar mudanças de rota, caso seja necessário. A região também pode dar dicas preciosas para a escolha do veículo. Quanto mais discreto e parecido com os demais, melhor.

Avaliar Os Riscos Iminentes

Conhecer a região onde a operação acontece também é importante para compreender os riscos. É preciso entender as possibilidades de perigo para saber quais são as possíveis ameaças ao cliente e, principalmente, planejar como evitá-las. Para isso, históricos de ocorrência, dados policiais e pesquisas na vizinhança são essenciais.

Monitorar Atentados, Acidentes E Manifestações

Informações em tempo real fazem a diferença para uma operação de escolta motorizada. É preciso se manter atualizado sobre acidentes, desvios, atentados e manifestações que interditem a via principal. Com essas informações, será possível mudar de rota, evitando transtornos.

Analisar Históricos E Índices De Criminalidades

A análise de histórico de ocorrência é um dos segredos para uma operação de segurança bem sucedida. Conhecer a fundo os índices de crime e os históricos da região onde a operação vai acontecer é um modo de organizar a operação e otimizar o treinamento para os riscos potenciais.

Plano de Segurança Pessoal

Um Plano de Segurança Pessoal nada mais é do que um Guia Operacional, ou seja, ele é um mapa onde o agente ou a equipe de segurança irá usar para traçar trajetos, demarcar áreas de riscos, ponto de troca de equipes ou abastecimentos. Ações a serem adotadas em caso de emergências, seja por causa de ataques contra a pessoa protegida, assédio de fãs, acidente de trânsito, incidentes que possam ocorrer no trajeto e outras séries de problemas que possam acontecer durante a proteção de um VIP.

No percurso da comitiva de um VIP, vários problemas podem ocorrer. Com base neste fator, entra em ação o Plano de Segurança e suas soluções para os possíveis fatos previsíveis e até imprevisíveis. Dentre os principais itens que devem estar no plano de segurança pessoal, destacam-se:

  • Plano de Evacuação;
  • Plano de Mudança de Percurso;
  • Plano de Rota de Fuga;
  • Plano de Reação contra Atentado com Armas;
  • Plano de Contenção de Pessoas (Fãs);
  • Plano para Troca de Veículo ou Equipe;

Em qualquer circunstância, sempre deve ter uma saída emergencial no percurso onde o VIP está sendo monitorado pelos seguranças.

O imprevisto pode acontecer, e nessa hora que os profissionais da Segurança Pessoal devem estar preparados para colocar os planos de emergência em ação, pois o dignitário não pode ficar exposto aos riscos.

Portanto, ao elaborar um Plano de Segurança Pessoal, é necessário que todos os aspectos da pessoa a ser protegida sejam estudados, no sentido de que a empresa e os Vigilante de Segurança Pessoal Privada possam melhor preparar seu plano de proteção pessoal.

Os principais aspectos que devem ser estudados da pessoa a ser protegida ao elaborar um Plano de Segurança Pessoal são:

  • Vida Social, Familiar e Pregressa;
  • Costumes, Comportamento e Temperamento;
  • Sua Profissão e Círculo Social;
  • Sua Potencialidade de Risco;
  • Seus Desafetos ou Ameaças;
  • Endereço Residencial e de Trabalho;
  • Agendas de Contato ou Reuniões;
  • Endereços ou Locais onde a Família vai estar.

Com base nas primeiras informações coletadas, o Plano de Segurança Pessoal será elaborado com maiores probabilidades de que tudo ocorra dentro do planejado. Vale lembrar que, para proteção pessoal, algumas informações como as descritas acima não podem ser negadas pelo VIP, pois é com base nelas que o Plano de Segurança será elaborado. Outras informações podem ser importantes e que não foram descritas acima, pois cada pessoa a ser protegida representa uma realidade diferente da outra.

A trigrama VIP vem do inglês, e traduzido quer dizer “Pessoa Muito Importante”. Elas podem ser artistas, celebridades, políticos, religiosos, autoridades, e mesmo um empresário de sucesso que se vê ameaçado ou sofrendo algum tipo de risco.

Para uso no trajeto e segurança do VIP, deve ser colocado à disposição dos agentes todo equipamento necessário, tais como veículos, armas, equipamentos de comunicação, kits de primeiros socorros, materiais de barreira de contenção de pessoas ou veículos e outros. Todos os materiais que serão utilizados pela equipe devem constar no Plano de Segurança Pessoal previamente elaborado tais como:

  • Carros Blindados e Potentes;
  • Armas Letais e não Letais;
  • Kit de Primeiros Socorros;
  • Equipamentos de Comunicação, incluindo via satélite;
  • Contatos de Unidades de Segurança Públicas Instaladas no Percurso;
  • Kit de Proteção Respiratório para casos de Incêndio ou Químicos;
  • Coletes a Prova de Balas;
  • Cones de Barreiras e Sinalização;
  • Faixas de Contenção;

Estes são alguns itens básicos que deve estar no comboio, no interior dos carros e alguns em mãos dos Vigilante de Segurança Pessoal Privada, como armas, rádios e telefones.

Todos os Agentes de Segurança devem estar com suas licenças em dia, ou seja, com a Carteira Nacional do Vigilante (CNV) e demais documentos que deve ser apresentado quando solicitado pelas autoridades policiais ou órgãos de controle, no caso de uma abordagem policial, ou quando necessário o acionamento das forças de segurança pública no trajeto.

Conclusão

O serviço de Segurança Pessoal privada é indicado para executivos, autoridades, artistas, entre outros, que precisam do acompanhamento de agentes pessoais ao longo do dia ou durante eventos específicos.

A Segurança Pessoal precisa de um efetivo qualificado e treinado, que saiba como agir em cada situação e esteja munido dos equipamentos e veículos corretos.

Essa atividade exige muito do Vigilante de Segurança Pessoal Privada, desde sua capacidade intelectual, física e emocional. Além desses fatores, ele também precisa de um bom Plano de Segurança Pessoal para atender seus clientes.

Geralmente, as empresas que atuam no mercado já possuem seus Planos de Segurança Pessoal, porém, é importante que cada profissional entenda de forma básica como é um Plano de Segurança Pessoal, e como ele deve ser usado na proteção de pessoas importantes.

O planejamento é indispensável para o sucesso de qualquer operação de segurança.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *